Assembleia do Consinos define os próximos passos da Consulta Popular

Governo do Estado do RS e Consinos deflagraram processo, oficialmente, nesta quinta-feira, 23  

Por meio da Assembleia Pública Regional do Conselho Regional de Desenvolvimento (Corede) do Vale do Rio dos Sinos – Consinos, que aconteceu de forma híbrida no Câmpus II da Universidade Feevale na tarde desta quinta-feira, 23, foi desencadeado, oficialmente, o processo da Consulta Popular 2021 – orçamento estadual 2022. Essa segunda etapa contou com a participação de Bruna Hepp, diretora do Departamento de Articulação Regional e Participação (Darp), da Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão (SPGG) do Governo do Estado do RS; da presidente do Consinos, Tânia Terezinha da Silva; e da diretora de Relações Internacionais e Institucionais da Universidade Feevale, Paula Cundari. 

Para a Consulta Popular deste ano, o Governo do Estado do Rio Grande do Sul destinou R$ 30 milhões no total. O Consinos terá o valor de R$1.114.286,00 para serem aplicados em projetos de desenvolvimento regional eleitos pela comunidade em votação 100% digital. Bruna Hepp apresentou o passo a passo da Consulta Popular 2021/2022 e forneceu informações sobre o aplicativo Colab, ferramenta por meio da qual a comunidade pode submeter ideias de projetos e por onde será realizada a votação da Consulta Popular. Foi anteriormente estabelecido o número de três projetos para constarem na cédula de votação, um dos quais será o que tiver mais curtidas no aplicativo Colab; os outros dois, serão discutidos nas próximas assembleias.  

Na Assembleia desta quinta-feira, ficou definido que os municípios escolherão até duas áreas temáticas entre as onze constantes do regimento da Consulta Popular (Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural; Turismo; Assistência Social; Meio Ambiente e Infraestrutura; Cultura; Obras e Habitação; Transporte; Esportes e Lazer; Desenvolvimento Econômico; Inovação, Ciência e Tecnologia; e Direitos Humanos). Estas discussões serão foco das Assembleias Públicas Municipais e/ou Microrregionais, terceira etapa do processo da Consulta Popular, que ocorre entre 18 de outubro e 8 de novembro. Após, serão definidos os projetos regionais que constarão na cédula de votação da Consulta Popular. Até o dia 15 de outubro, ocorrerá a análise dos interlocutores das secretarias sobre as áreas temáticas. O cronograma de todas as assembleias será divulgado em breve.  

Também foi constituída, nesta quinta-feira, a Comissão Regional da Consulta Popular 2021. Ela é composta por:  

– Representando o Governo do RS: Antonio Cesar Mesquita Lopes, Bruna Mariana Blos Hepp e Vitor Luis Argenta Lisboa 

– Representando o Consinos: Adriana Leal Abreu, Gabriel Grabowski e Gladis Hofstätter Rech 

– Assembleia: Ana Claudia Pinheiro Oliveira, Edson Luís Maicá Severo e Enio Brizola 

Para a presidente do Consinos, Tânia Terezinha da Silva, é uma satisfação, mais uma vez, conduzir a Assembleia Pública Regional da Consulta Popular. “Esse é um momento muito democrático, no qual o cidadão pode escolher as suas demandas para a nossa região. A nossa expectativa é que tenhamos uma ótima participação popular. Pelo Consinos, iremos fazer a nossa parte, que é o encaminhamento dos projetos, e lutar para que venham mais recursos para a nossa região”, afirma. 

Sobre a votação da Consulta Popular 2021 

A votação da Consulta Popular 2021 acontecerá de forma totalmente virtual de 22 a 30 de novembro, por meio do aplicativo Colab e pelo site consultapopular.rs.gov.br. Será eleita a proposta com maior número de votos, e cada cidadão poderá votar, apenas, uma vez. Os municípios deverão atingir, no mínimo, 2% de votos para ter acesso ao recurso.  

Aplicativo Colab 

O passo a passo para fazer o download e cadastro no aplicativo Colab, bem como para submissão das propostas, está disponível no site do Consinos www.consinos.org.br, na aba Documentos. Podem ser lançadas ideias no aplicativo até o dia 12 de outubro. 

Saiba mais 

O Consinos, um dos 28 Conselhos Regionais de Desenvolvimento do Rio Grande do Sul, é composto por 14 municípios do Vale do Sinos: Araricá, Campo Bom, Canoas, Dois Irmãos, Estância Velha, Esteio, Ivoti, Nova Hartz, Nova Santa Rita, Novo Hamburgo, Portão, São Leopoldo, Sapiranga e Sapucaia do Sul. Trata-se de um fórum de discussão e decisão a respeito de políticas e ações que visem promover o desenvolvimento local e regional. Mais informações podem ser obtidas no site www.consinos.org.br e no Facebook do Consinos (www.facebook.com/consinos.consinos.3).